Com Vettel fora, Hamilton segura Max para vencer em Suzuka e ampliar a liderança

Uma vela de aproximadamente R$ 160,00. Em meio a um carro de milhões de dólares, essa pode ter sido a peça que ajudou a decidir o campeonato de 2017 da Fórmula 1. Neste domingo, em Suzuka, Sebastian Vettel sequer teve chance de ameaçar a liderança de Lewis Hamilton, e logo nas primeiras voltas abandonou com problema em uma das velas do motor da Ferrari. O inglês, porém, não tinha nada com isso, contou com o apoio do fiel escudeiro Valtteri Bottas para segurar Max Verstappen, e vencer o GP do Japão, 61º triunfo na carreira, oitavo na temporada. Com mais 25 pontos na conta, o piloto da Mercedes #44 ampliou a liderança no campeonato para 59 pontos contra Vettel e pavimentou ainda mais o caminho para o quarto título mundial.

Para ser campeão já nos EUA, Hamilton precisa vencer e torcer para que Sebastian Vettel termine em 6º ou em uma colocação pior. Caso isso não aconteça, mas o britânico vença em Austin e no México, ele se consagra campeão independentemente do resultado do rival alemão.

Depois de uma grande largada, em que superou o companheiro de equipe Daniel Ricciardo ao realizar ultrapassagem ousada na curva 1, Verstappen bem que tentou repetir o feito de Sepang, quando superou Hamilton logo no começo para vencer a prova. Entretanto, desta vez não foi possível fazer frente à Mercedes, e o holandês recebeu a quadriculada em segundo, o terceiro pódio dele no ano. Já o australiano da RBR #3 foi o terceiro, com Bottas em quarto e Kimi Raikkonen em quinto. Na disputa particular entre a dupla da Force India, melhor para Esteban Ocon, que terminou em sexto, logo à frente de Sergio Pérez. Kevin Magnussen (8º) e Romain Grosjean (9º) da Haas se uniram a Felipe Massa (10º) da Williams para fechar os dez primeiros.

Classificação final do GP do Japão

A Fórmula 1 volta daqui a duas semanas, em Austin, com o GP dos EUA. O primeiro treino livre será no dia 20 de outubro às 13h00 (de Brasília). A prova será realizada no domingo, 22 de outubro, às 17h.

O pódio

O que disseram?

HAMILTON: “Eu só poderia ter sonhado em ter uma diferença tão grande na tabela. Devo tudo ao time. Eles são meticulosos.”

VERSTAPPEN: “Foi um grande dia de novo. Eu realmente amo esta pista. Tivemos um ótimo ritmo – mas estava bem difícil de ultrapassar. Tentei de tudo.”

RICCIARDO: “É o meu primeiro pódio aqui. Era meu objetivo neste final de semana, conseguir o pódio em Suzuka, então isto é incrível.”

VETTEL: “Ser crítico é parte do nosso trabalho, mas tenho que protegê-los (a equipe). Nós iremos com o pé embaixo nas próximas quatro corridas.”

O que você precisa saber sobre o GP do Japão?

Lewis Hamilton:
. 8ª vitória em 2017
. 21ª corrida seguida nos pontos
. 59 pontos de diferença na liderança do campeonato

– Entrevistado por Takuma Sato, atual vencedor das 500 Milhas de Indianápolis, Hamilton perguntou ao japonês: “Posso usar o seu anel de campeão para ver se vale a pena eu ir e fazer (a corrida)? Humm… cuidado Fernando Alonso!

– P1 em Sepang, na semana passada, P2 em Suzuka, neste domingo: Max Verstappen foi eleito o “piloto do dia” pelos fãs da Fórmula 1.

– Lukas Podolski, jogador de futebol campeão do mundo pela Alemanha em 2014, esteve presente nos boxes da Renault em Suzuka.

– Renault que se despediu de Jolyon Palmer, em sua última corrida pelo time francês. Ele será substituído por Carlos Sainz Jr. já no GP dos EUA.

– Esta foi a 13ª vez em 16 corridas que a Force India coloca os dois pilotos no Top 10.

– O piloto mais veloz em uma volta: Valtteri Bottas (1m33s144)

Largada

Início movimentado em Suzuka, com Hamilton mantendo a ponta e Verstappen ultrapassando Ricciardo na curva 1 para assumir a terceira colocação. Ainda na primeira volta, o holandês da RBR partiu para cima de Vettel e tomou a vice-liderança do tetracampeão. O alemão, por sinal, reclamou de falta de potência no motor e foi ultrapassado por Ocon, Ricciardo e Bottas.

Sainz Jr., em sua última corrida pela STR – ele substituirá Palmer na Renault já no GP dos EUA – foi o primeiro o abandonar, rodando sozinho e indo parar na brita.

Momentos-chave do GP do Japão

1. Com problemas no carro, Vettel é ultrapassado pela Williams de Massa.

2. Não deu para Vettel! Alemão abandona o GP do Japão e fica ainda mais longe do quinto título mundial.

3. Ericsson escapa na curva Degner e vai direto ao encontro da barreira de pneus. É o terceiro abandono no GP do Japão com menos de dez voltas completadas.

3. Ericsson escapa na curva Degner e vai direto ao encontro da barreira de pneus. É o terceiro abandono no GP do Japão com menos de dez voltas completadas.

5. Após bela largada, Ocon não consegue segurar o ímpeto de Ricciardo, que coloca por fora na curva 1 e assume a terceira colocação na corrida.

6. Na sequência, é a vez de Bottas superar a Force India #31.

7. Raikkonen faz valer o melhor carro e ultrapassa Massa para ser o sétimo.

8. Tristeza na Ferrari. Arrivabene conversa com Vettel, que acena para os fãs nas arquibancadas.

9. Verstappen para nos boxes, calça os pneus macios e volta à frente de Raikkonen, em quarto.

10. Agora é a vez do líder Hamilton fazer o pit stop. A Mercedes #44 também vai de macios.

11. Bottas, na liderança, abre espaço para Hamilton, que tinha Verstappen na cola.

12. Depois de deixar Hamilton passar, Bottas segura Verstappen, que não consegue ultrapassar o finlandês.

13. Trabalho bem feito! Bottas consegue segurar o rival da RBR e vai ao box efetuar seu primeiro pit stop na corrida.

14. Lá vai ele! Raikkonen vence a disputa com Hulkenberg para ser o quinto.

15. Dia ruim para Hulkenberg. Mesmo com o esforço dos mecânicos para consertar a asa traseira, o alemão é obrigado a abandonar o GP do Japão.

16. Depois de muito perseguir Massa, Magnussen joga por dentro na curva 1 e ultrapassa o brasileiro da Williams.

17. Stroll sofre com quebra na suspensão dianteira direita e está fora da corrida em Suzuka.

18. Verstappen cola em Hamilton, mas é atrapalhado por Alonso, retardatário.

19. Quaaaase! Verstappen chega perto, mas Hamilton segura a Mercedes na primeira colocação. É a oitava vitória do inglês na temporada.

20. Pilotos comemoram no pódio em Suzuka. Pela segunda vez seguida a RBR coloca sua dupla entre os três primeiros.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/motor/formula-1/noticia/com-vettel-fora-hamilton-segura-max-para-vencer-em-suzuka-e-ampliar-a-lideranca.ghtml

Deixe seu comentário